Workshop
 

 

Dia 10 de Julho de 2017, 16h30

 

 

Simulações nas aulas de química
Manuela Varela - Professora de Físico-Química no Externato da Luz

Com a proliferação de simulações e outras aplicações na internet, que podem ser utilizadas em sala de aula, torna-se por vezes difícil ao professor selecionar aquela(s) que melhor se adapta(m) às suas necessidades para determinada temática.
Pretende-se com este workshop fornecer algumas pistas de boas simulações que se podem encontrar na net (gratuitas) e algumas pistas de exploração das mesmas para alunos do básico e/ou secundário.

Fotos

Informação aos formandos: Computador pessoal



Participantes

 

1 Aires Fernandes Silva Nina
2 Ana Carla Costa Silva Castro Rodrigues Miranda
3 Cidália Maria Martins da Piedade Graça
4 Elisa Maria Almeida de Paulo
5 Fernanda Isabel Gonçalves Matias Vicente
6 Filipa Isabel Pedro Bispo
7 Inês Alexandra Lourenço Tomé
8 Isabel Maria Maria Martins Cipriano
9 José Júlio Salgadinho Silveira Nunes
10 Luisa Manuela Dias Gonçalves
11 Maria Dulce Caroço Pires
12 Maria Fernanda Alves Neves
13 Maria Goretti Moreira Fernandes
14 Maria Manuela Figueiredo da Silva
15 Paula Alexandra Banha Caramelo
16 Paula Cristina Tourais Mendes Paulo Veloso
17 Pedro Manuel Antunes de Sousa
18 Rita Carla Vindeirinho Roda Félix
19 Sónia Margarida dos Santos Albano
20 Sylvie Marilyne Tavares Morgado
21 Teodorico Lopes dos Santos

 

 

Energia das Ligações: Quem é mais Forte?
João Paulo Leal - Investigador no Centro de Ciencias e Tecnologias Nucleares, IST

Muitas vezes falamos de energia de uma ligação, mas nem sempre estamos conscientes daquilo a que estamos a referir-nos.
Aquilo a que nos referimos podem ser energias ou entalpias, podem ser homolíticas ou heterolíticas, podem ser transponíveis entre moléculas ou não.
Afinal de que falamos quando falamos de energias de ligação?
Serão apresentados casos interessantes e exemplos peculiares, e sugerida a participação e a discussão de todos os participantes.

Fotos

Informação aos formandos: Calculadora pessoal



Participantes

 

1 Fernando Manuel Baptista da Silva Alfacinha Duarte
2 Maria da Luz Abreu Ova
3 Maria Gracinda Santos
4 Marília dos Anjos Martins Branco Dias
5 Rosa Maria Bravo da Silva Rufino
6 Sérgio Carreira Leal

 

 

Reinventando o laboratório de química
Marta C. Corvo - Cenimat|I3N, Departamento de Ciência dos Materiais, FCTUNL

Neste workshop propõe-se a execução de uma aula prática de química de um modo alternativo - com recurso ao smartphone. Presentemente os smartphones são uma presença quase que constante e como tal o objectivo será tirar partido dos seus sensores e eventuais aplicações.
Ilustrando conceitos relacionados com a determinação da concentração de compostos desconhecidos, equílibrio químico e equílibrio ácido-base demonstrar-se-á como estes aparelhos podem ser utilizados como colorímetros, espectrofotómetros ou microscópios. Esta actividade pretende apresentar uma aula experimental que é fácil de implementar relativamente a materiais e equipamentos.

Informação aos formandos: Os participantes deverão fazer-se acompanhar dos seus smartphones ou tablets e bata de laboratório.

Fotos



Participantes

 

1 CELESTE RODRIGUES FERREIRA
2 Cláudia Sofia Rebelo Coelho
3 Francisco José Amado Rodrigues
4 Gonçalo Trindade Garrido Serra
5 Hugo Filipe Oliveira do Carmo
6 Isabel Marília Viana e Peres
7 Margarida dos Prazeres Ferreira do Carmo Fernandes
8 Maria Arlete da Costa Machado Cruz
9 Maria Clara Crespo Moreira Gomes Filipe Carvalho
10 Maria Manuela Martinho Pinto Pereira Tavares
11 Maria Margarida Andrade Tavares
12 Maria Noémia Abrunhosa e Sousa Nobre Félix
13 Nuno Filipe Martins Gonçalves
14 Sandra Mónica Pragana Figueiredo
15 Sara Lúcia Barbosa Gueifão Alves

 

 

Cinética para maiores de 16 (discussão de conceitos básicos)
José Artur Martinho Simões - Professor Catedrático no DQB/FCUL

Afinal o espontâneo nem sempre acontece / Um filme com princípio e fim, mas sem meio / O mecanismo da reacção / O perfil de uma etapa do Tour / O perfil de uma reacção / Uma reacção também tem velocidade / A constante de velocidade é mesmo constante? / O conflito de interesses entre a termodinâmica e a cinética / A catálise é verde / Afinal a cinética também é termodinâmica.

Fotos



Participantes

 

1 Ana Maria Praça Pinto Henriques
2 Anabela Brás de Oliveira Estudante
3 Bruno Miguel Pereira da Silva
4 Carla Margarida Cardoso dos Reis
5 Maria de Lourdes Sabino Correia
6 Maria José Mendes de Sousa
7 Maria Judite Carmo Nascimento
8 Maria Lucília Cigarrito Santos Tavares
9 Maria Luísa Batista Pires
10 Maria Teresa de Matos Paiva
11 Paula Garcia Duarte Inácio
12 Raul Manuel Preto Alonso
13 Susana Maria Ribeiro Salvado

 

 

Atividades Laboratoriais de Física/Química
Ana Margarida Simões Dias - School Cordinator - Casio Portugal e elemento do grupo de trabalho da APM "Casio+"

O uso das calculadoras gráficas para recolha e tratamento de dados é uma referência constante nas metas e atual programa de física e química A. Durante 3 horas vamos realizar duas atividades laboratoriais que fazem parte no atual programa de física e química A. Além da recolha de dados iremos fazer o tratamento dos dados recolhidos.

Fotos



Participantes

 

1 Alice da Conceição Damas Pinto Torres
2 Ana Cristina Pedro Cardoso Teixeira
3 Ana Maria Vieira Machado
4 Ana Teresa Rosa de Oliveira
5 Eugénia Maria Vicente Santos Madeira
6 Helena Maria Antunes Taborda
7 Isabel Maria Pelicano Fernandes
8 Isadora Dadilda Vitorino da Costa Girio
9 José Francisco Cabeça Fanica
10 Liliana da Silva Jesuíno
11 LUÍSA MARIA NUNES DA COSTA ROCHA
12 Lygia Maria de Carvalho Simas e Couceiro Braga
13 Maria da Graça Machado Pedro
14 Maria José Pereira Franco Serra
15 Maria Leonor Dinis Garcia
16 Maria Margarida Campos Pessoa
17 Paula de Fátima Domingos Alves
18 Rita Conde R. Silva
19 Tânia Solange Correia Moreira Riobom Santos
20 Vanda Maria Madureira Candeias

 

Email de contacto:
4ei@casadasciencias.org