Título

Polypodium vulgare L.

Partilhar

Descrição

Planta herbácea de frondes alongadas e triangulares, providas de pecíolo comprido e nu, dispostas ao longo do rizoma. Rizoma grosso, carnudo, prostrado, coberto de escamas castanho-avermelhadas, rastejante e alongado. Presença de soros arredondados, mas sem indúsio.

Família: POLYPODIACEAE

Nome Vernáculo: Fentelha, Feto-doce, Filipode, Polipódio, Polipódio-do-carvalho, Polipódio-do-Norte.

Ecologia: Planta vivaz, epífita, rupícola ou terrestre habitando em fissuras de rochas, taludes, troncos de árvores, muros e por vezes no coberto de matas e pinhais

Floração: O polipódio não é uma planta com flor. Reproduz-se através de esporos (amarelos) que são libertados na Primavera.

Estatuto: Nativa, ocorrendo também na região Eurosiberiana e montanhas da região Mediterrânea.

Observações: Espécie muito usada a nível medicinal desde a antiguidade, no tratamento de várias doenças, que vão desde a hepatite à icterícia, passando por indigestão e muitas outras doenças. O rizoma é rico em açúcares, sendo extremamente doce e utilizado para adulterar bebidas alcoólicas.

Classificação

Polypodium vulgare L.

Localização

Polo 3 da UPorto

Data de Publicação

22 de Março de 2019

Nº de visualizações

213

Resolução

1948px X 1299px

Formato

.jpeg

Tipo De Imagem

Fotografias

Licença de utilização Creative Commons CC BY-NC-SA 4.0

Imagens Relacionadas