Título

Epifragma no caracol terrestre

Partilhar

Descrição

O caracol pode encontrar-se em inatividade quer no verão quer no inverno, denominando-se por estivação e hibernação, respetivamente. Nestes estados de inatividade existe a formação de uma substância mucosa, viscosa, segregada pelo próprio caracol, através de glândulas situadas ao longo do pé, mais concretamente por uma grande glândula situada abaixo da boca, que irá obliterar a abertura da concha para se proteger de situações hostis (muito frio ou calor). Esta membrana seca apresenta o nome de opérculo, no caso do estado de estivação e de epifragma, no estado de hibernação. No caso da formação de opérculo, a membrana apresenta uma estrutura mais solidificada devido ao caracol entrar num estado letárgico, onde é provável que perca 30% do peso corporal em água. (Texto adaptado a partir de https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/15315/1/Pedro-Victor-Rebelo.pdf)

Classificação

Helix aspersa

Localização

Alcobaça

Data de Publicação

22 de Julho de 2020

Data de Realização

2020-04-27

Nº de visualizações

88

Resolução

6000px X 4000px

Formato

.JPG

Tipo De Imagem

Fotografias

Licença de utilização Creative Commons CC BY-NC-SA 4.0

Imagens Relacionadas