Título

Parietaria judaica L.

Partilhar

Descrição

Planta formando pequenos tufos até 60 cm de altura, muito ramificada. Caules verdes, acastanhados ou avermelhados, ligeiramente lenhosos na base com a idade. Folhas alternas, inteiras, ovais ou lanceoladas, quase glabras ou pubescentes, com pêlos curtos os quais, na página inferior, se agarram à roupa. Flores minúsculas, anemófilas, em inflorescências nas axilas de folhas, inicialmente de cor verde e avermelhadas na maturação. O fruto é um aquénio ovoide.

Família: URTICACEAE

Nome Vernáculo: Alfavaca, Alfavaca-da-cobra, Alfavaca-de-cova, Amarras, Cobrinha, Columbrina, Erva-das-muralhas, Erva-das-paredes, Erva-de-Nossa-Senhora, Erva-de-Santa-Ana, Erva-de-Santana, Erva-do-amorra, Erva-dos-muros, Erva-fura-paredes, Fava-da-cova, Helxina, Parietária, Pulitaina, Pulitária, Urtiga-mansa.

Ecologia: Planta perene, ruderal e viária muito frequente em fendas, muros, paredes e terrenos baldios.

Floração: Praticamente todo o ano.

Estatuto: Nativa.

Observações: As folhas podem ser consumidas, cruas ou cozinhadas, afirmando-se que têm um leve sabor a pepino. Possui efeito diurético (líquido resultante da infusão das folhas) e é utilizada no tratamento de hemorroides (banhos de assento usando a água proveniente do cozimento das folhas).

Classificação

Parietaria judaica

Localização

Polo 3 da UPorto

Data de Publicação

22 de Março de 2019

Nº de visualizações

88

Resolução

1948px X 1299px

Formato

.jpeg

Tipo De Imagem

Fotografias

Licença de utilização Creative Commons CC BY-NC-SA 4.0

Imagens Relacionadas