Título

Briza maxima L.

Partilhar

Descrição

Planta até 80 cm de altura. Colmos eretos ou inferiormente geniculados. Folhas planas com lígula membranosa, comprida e lanceolada. Inflorescência em panícula simples ou quase, unilateral, com poucas espiguetas em pedúnculos muito finos com a extremidade pendente. Espiguetas grandes, ovoides, móveis, com 7 a 20 flores hermafroditas, imbricadas, comprimidas lateralmente, esverdeadas ou matizadas de castanho-avermelhado e com duas glumas subiguais, menores que a espigueta, côncavas, ovado-orbiculares, com 5 a 9 nervuras. O fruto é uma cariopse.

Família: POACEAE (GRAMINEAE)

Nome Vernáculo: Abelhinhas, Bole-Bole, Bole-bole-maior, Bule-bule, Bule-bule-grado, Campainhas-do-diabo, Chocalheira-maior, Quilhão-de-galo.

Ecologia: Planta anual com preferência por locais secos, frequentemente observada em baldios, terrenos cultivados e incultos, olivais, pomares, clareiras de matos, bosques e pinhais.

Floração: Abril a Junho.

Estatuto: Nativa, com larga distribuição mundial.

Observações: Espécie bastante utilizada para a forragem de animais e as suas sementes são muito rentáveis economicamente.

Classificação

Briza maxima

Localização

Polo 3 da UPorto

Data de Publicação

22 de Março de 2019

Nº de visualizações

161

Resolução

1948px X 1299px

Formato

.jpeg

Tipo De Imagem

Fotografias

Licença de utilização Creative Commons CC BY-NC-SA 4.0

Imagens Relacionadas